Automação Industrial

Como funciona? | Como a automação industrial vem sendo implantada no Brasil

Automação industrial é definida como a utilização de máquinas eletromecânicas, softwares e equipamentos específicos para automatizar processos industriais. Possui como objetivo aumentar a eficiência dos processos, maximizar a produção com o menor consumo de energia , menor emissão de resíduos e melhores condições de segurança, seja material, humana ou das informações. É um passo além da mecanização, onde operadores humanos são providos de maquinaria para auxiliá-los em seus trabalhos. 


Entre os dispositivos eletroeletrônicos que podem ser aplicados estão os computadores ou outros dispositivos capazes de efetuar operações lógicas, como controladores lógicos programáveis (CLPs), microcontroladores, SDCDs ou CNCs. Estes equipamentos em alguns casos, substituem tarefas humanas ou realizam outras que o ser humano não consegue realizar. Entre os dispositivos mecânicos, destacam-se motores, atuadores hidráulicos, pneumáticos, além de partes móveis e componentes estruturais. É largamente aplicada nas mais variadas áreas de produção industrial. O objetivo principal da automação industrial é criar mecanismos que sejam capazes de produzir o melhor produto com o menor custo. Alguns objetivos que devem ser buscados nos projetos de automação industrial são:

  • Melhorar a produtividade de uma empresa aumentando o número de itens produzidos por hora de forma a reduzir os custos de produção e aumentar a qualidade.

  • Melhorar as condições de trabalho das pessoas eliminando trabalhos perigosos e aumentado a segurança.

  • Realizar operações que seriam impossíveis de controlar intelectualmente ou manualmente.

  • Melhorar a disponibilidade de produtos de forma com que seja possível fornecer quantidades necessárias no momento certo.

  • Simplificar a operação e manutenção de modo que o operador não precise ter grande expertise ao manusear o processo de produção.

O termo “indústria 4.0” surgiu no ano de 2011, em uma feira de Hannover, na Alemanha. Tal conceito foi apresentado ao público a partir de um forte incentivo do governo alemão em propor uma mudança em relação à maneira como as fábricas costumam operar e operam (ainda há fábricas ativas com pensamentos de negócios antigos). Esta iniciativa teve um apoio de empresas de tecnologias, universidades e de diversos centros de pesquisas alemãs. O conceito se baseia na descentralização do controle dos processos produtivos, utilizando a tecnologia e a automação como forma de conectar todos os processos da operação.


A partir disso, a indústria 4.0 consegue diminuir os seus custos produtivos e aumentar a sua produtividade. Este conceito engloba as principais tecnologias disponíveis no mundo e tende a ofertar produtos e serviços mais personalizados e customizáveis para os clientes. Para que uma indústria seja inteligente, é necessário que ela utiliza diversas tecnologias ao seu favor.

194 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo